O Conselho Regional de Contabilidade do Amapá

O movimento para criação do Conselho Regional de Contabilidade do Estado do Amapá teve início em 1985, através de um grupo de Profissionais da Contabilidade que abraçaram a ideia de implantar uma Entidade Fiscalizadora no Estado do Amapá. Então, o grupo resolveu lutar para que a classe tivesse sua representação e autonomia. Faz-se oportuno destacar que todas as instituições que precederam o Conselho de Contabilidade, de certo modo viabilizaram a sua criação.

Em 1953 foram criadas as Representações dos Conselhos Regionais de Contabilidade e, em 1969, assumiu o primeiro Delegado, o Contabilista Alceu Paulo Ramos, permanecendo até 1973. Logo após o 2° Delegado toma posse, o Contabilista Juracy da Silva Freitas que atuou 14(quatorze) anos como Delegado, até o ano de 1988. Os Delegados foram os Profissionais da Contabilidade a seguir:

  • 1° Delegado: ALCEU PAULO RAMOS.
  • 2° Delegado: EDSON SARGES.
  • 3° Delegado: JURACY DA SILVA FREITAS.
  • 4° Delegado: JOSÉ SERRA.
  • 5°Delegado: EMILIO AUGUSTO BASTOS FERREIRA. Como esse quinto delegado afastou-se para campanha política, nomeou seu suplente, o Profissional Contábil WALTER GOMES COELHO, que nessa época já encabeçava o movimento para a criação do Conselho Regional de Contabilidade. O Profissional da Contabildade WALTER GOMES COELHO deu continuidade ao trabalho que antes, já vinha desenvolvendo. Passou a participar de congressos, encontros, reuniões e outros eventos, sempre acompanhado de seu grupo, que debatia e articulava a necessidade de ter um Conselho de Contabilidade no Amapá. Nessa ocasião, já apresentava resultados satisfatórios em relação ao número de Profissionais na Área da Contabilidade.

No momento que o Conselho Federal de Contabilidade registrou dados que justificavam o surgimento de uma nova Entidade Fiscalizadora, resolveu criar o CRC/AP. Walter Coelho, em outubro de 1992, junto com o seu grupo, viajou para Brasília/DF, com a finalidade de participar da Reunião Plenária onde seria expedido o ato de criação do CRC/AP. Para felicidade de todos o trabalho estava concluído e o Conselho Federal de Contabilidade, já com fatos concretos, criou o Conselho Regional de Contabilidade do Amapá, pelo desmembramento do Conselho Regional de Contabilidade do Estado do Pará. Valeu a luta e a dedicação de todos que contribuíram para a implantação de uma entidade fiscalizadora no Estado do Amapá. Em 22 de setembro de 1992, estava criado o CRC/AP, com sede e foro no Município de Macapá e sua organização foi determinada pela Resolução nº 735/92, do CFC:

* O Conselho Federal de Contabilidade, no exercício de suas atribuições legais e regimentais:

    –  Considerando que o Estado do Amapá vem apresentando resultados satisfatórios em relação ao número de Profissionais da Contabilidade.

    –  Considerando que o Princípio da Descentralização Administrativa tem prevalecido na criação do Regional de Contabilidade, no momento em que a Unidade da Federação registra números que justifiquem o surgimento de nova entidade fiscalizadora.”

(RESOLUÇÃO CFC N° 735/92 – Cria o Conselho Regional de Contabilidade do Estado do Amapá).

Resgate da Memória Contábil do Estado do Amapá

O Amapá era somente uma Delegacia de Jurisdição do Conselho Regional do Estado do Pará, que fiscalizava e registrava os Técnicos em Contabilidade formados pela Escola Técnica de Comércio do Amapá. Com sua criação em 1992, o Conselho Regional de Contabilidade do Amapá passou a registrar e fiscalizar o exercício da profissão de Técnicos em Contabilidade e Contadores. Ficou decidido que a 1° eleição para Presidente do CRC/AP, seria presidida por um conselheiro designado pelo Presidente do CFC. A partir daí o trabalho estava concretizado, graças à atuação e articulação do grupo coordenado pelo Profissional da Contabilidade Walter Coelho, cujo trabalho foi recompensado pela criação do CRC/AP. Logo de imediato, o então Delegado Walter Coelho, com a valiosa colaboração do CFC, solicitou a aquisição de microcomputador, impressora, fax, móveis e uma linha telefônica. Procurou, também, estruturar o CRC/AP de outras necessidades, como: mesas, cadeiras, estantes, armários, arquivos, etc…, tornando o Conselho possível e adequado para receber o primeiro Presidente, isso sem dispensar a ajuda do 1° Colegiado. A primeira eleição ficou marcada para 1993, na mesma data fixada para os demais CRCs.

No período de organização, que se estendeu até a posse dos conselheiros eleitos, o CRC/AP foi dirigido por um Delegado, o Contador José Fernandes Mendes Rodrigues, designado pelo Presidente do CFC, Ivan Carlos Gatti. A esse delegado foi incumbido, além da direção do CRC/AP, a organização e acompanhamento de todo o processo eleitoral.

O grupo que participou direta e indiretamente para criação do CRC/AP, conforme relatado pelo Profissional da Contabilidade Walter Coelho foi:

WALTER GOMES COELHO, ORLANDO BRANDÃO FERREIRA, JURACY DA SILVA FREITAS, LOURIVAL DA SILVA PIMENTEL, LEANDRO ALVES SANTARÉM, EMILIO AUGUSTO BASTOS FERREIRA, LUIZ CARLOS FORTUNATO DE VILHENA, LEÔNIDAS QUEIROZ ALCÂNTARA, MARIA DAS DORES A. DE SOUSA, DORALICE DA S. DUARTE, ALEXANDRINA PEREIRA DA SILVA, FORTUNATO RAPHAEL RAMOS, JOSÉ PAULO DA SILVA RAMOS, ECILDA COUTINHO CARDOSO, FRANCISCO RUBÊNIO DE OLIVEIRA, RAIMUNDO INAJOSA, ALCEU PAULO RAMOS, ANA FERNANDES TRINDADE, RAIMUNDO JORGE DE ALCÂNTARA PENALBER, CLAÚDIO C. DO NASCIMENTO, JURACY DE FREITAS DIAS, MARIA RAIMUNDA DE FREITAS, LUCIVALDO DE SOUZA DIAS e BENEDITO LOPES MARINHO.

Em 1994, já desmembrado do CRC/PA, assumiu o primeiro Presidente do CRC/AP, Contador José Paulo da Silva Ramos, para o mandato do biênio 1994/1995, tendo como conselheiros efetivos, os Profissionais da Contabilidade: Contador JOSÉ PAULO DA SILVA RAMOS – Presidente, JURANDIR CORDEIRO MARQUES – Vice-Presidente Administrativo e de Registro, IVALDO FERNANDES BORGES DE SOUZA – Vice-Presidente da Câmara de Contas, LEÔNIDAS QUEIROZ ALCÂNTARA – Vice-Presidente de Fiscalização, Contadoras MARIA DO PERPETUO SOCORRO SOUZA RIBEIRO, VERA LÚCIA MONTEIRA ALMEIDA e os Técnicos em Contabilidade LUIZ CARLOS FORTUNATO DE VILHENA e LEANDRO ALVES SANTARÉM. Membros Suplentes, os Profissionais da Contabilidade: JOAQUIM SILVA DOS SANTOS, MARIA APARECIDA DA SILVA OLIVEIRA, WELINGTON DE CARVALHO CAMPOS, RAIMUNDO JORGE DE ALCÂNTARA PENALBER, RAUL SOARES PEREIRA DA SILVA, JOÃO ARMINDO DE S. DA SILVA e os Técnicos em Contabilidade LOURIVAL DA SILVA PIMENTEL, ANTÔNIO SILVA FILHO e VALDER PEREIRA RIBEIRO.

O CRC/AP teve como Presidentes os Profissionais da Contabilidade a seguir:

1º – José Paulo da Silva Ramos – Ano: 1994/1995

2º – Raimundo Jorge de Alcântara Penalber – Ano: 1996/1997

3º – Francisco Rubênio de Oliveira – Ano: 1998/1999

4º – Adonaldo Souza da Silva – Ano: 2000/2001

5º – Maria Angélica Corte Pimentel – Ano: 2002/2005

6º – Marilene Cardoso do Nascimento – Ano: 2006/2009

7º – Paulo Sérgio de Freitas Dias – Ano: 2010/2011

8º – Márcio Lélio da Paixão Nascimento – Ano: 2012/2015

9º – Fabiano Ribeiro Pimentel – Ano: 2016/2017

10º – Emílio Sérgio Oliveira dos Santos – Atual Presidente.

 

Fonte: Resgate da Memória Contábil nos Estados – Brasília: CFC, 2016.

Leave Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

clear formSubmit